• 02/05/2022
  • Onfiak
  • 0

SEO: definição e 5 ferramentas de SEO para melhorar seu posicionamento no digital

Uma empresa, desde o primeiro momento em que ela começa a criar conteúdos em diferentes mídias sociais, seu principal objetivo é obter um bom posicionamento orgânico nos principais buscadores e conseguir gerar um excelente engajamento nas redes sociais.

Você já parou para pensar os motivos das empresas disputarem tanto pela atenção das pessoas e por que estar nas primeiras posições é tão significativo para elas?

Em uma breve pesquisa no Google, em “milésimos de segundos” bilhões de resultados são apresentados aos usuários. Esses resultados vêm em formato de imagens, vídeos e textos.

São bilhões de empresas disputando pela atenção de um usuário para ter a oportunidade de transformá-lo em um cliente e fazê-lo caminhar de forma orgânica até o fim do funil de vendas.

Logicamente, não são todas as pessoas impactadas pelos conteúdos orgânicos de uma empresa que se tornarão consumidores assíduos da marca.

Todavia, quando uma pessoa é apresentada a uma empresa ou, melhor, quando ela escolhe, em meio a muitos resultados, disponibilizar a sua atenção para ler um determinado conteúdo de uma organização, essa empresa já está a alguns passos à frente.

Ao ter contato com o conteúdo, essa pessoa espera que suas dúvidas sejam sanadas e que ela encontre um conteúdo de qualidade. Algumas empresas conseguem cumprir esses requisitos com veemência, outras, porém, nem tanto.

Os negócios que conseguem captar a atenção dos usuários, possuem mais chances de transformá-los em clientes. Podendo fazer com que eles conheçam os produtos oferecidos por esses negócios e, posteriormente, se interessem por eles.

É um jogo no formato “ganha ganha”, onde uma pessoa encontra as soluções para parte dos seus problemas de forma totalmente gratuita e uma empresa tem a chance de oferecer um serviço mais bem direcionado para esse potencial cliente.

Até aqui, acredito que você já conseguiu entender o quanto chamar a atenção de um consumidor pode ser positivo para as empresas. Mas…o quanto estar nas primeiras posições pode ajudar para que as empresas consigam captar a atenção dos usuários?

Das bilhões de pesquisas que o Google recebe diariamente, cerca 75% dos usuários não passam da primeira página dos resultados de busca. Dessa forma, suponhando que o Google receba por dia cerca de 3 bilhões de usuários no seu buscador, 2,25 bilhões de usuários não passam da primeira página.

Para conseguir obter um bom posicionamento orgânico no médio ou longo prazo, existe uma série de técnicas de SEO que as empresas devem seguir para conquistar as tão sonhadas primeiras posições do Google.

Neste artigo, mais adiante, você aprenderá a definição de SEO, a diferença entre Search Engine Optimization e Pay Per Click e ganhará de bônus 6 dicas de ferramentas de SEO que ajudará você a posicionar seus conteúdos nas primeiras posições do maior motor de busca presente na internet.

Está preparado(a) para colocar seu negócio nas primeiras posições dos buscadores? Se sim, então vamos lá!

O que é SEO?

O buscador do Google foi criado em 1996 e, em setembro de 1997, ele recebeu o domínio google.com. Pouco tempo após sua criação, já começou a vir à tona um tema importante para as empresas que queriam ganhar as primeiras posições nos resultados de busca do Google, o SEO.

SEO é um conjunto de técnicas utilizadas pelos criadores de conteúdos para fazer com que os sites e os conteúdos neles postados ganhem um bom posicionamento orgânico no Google.

Uma boa estratégia de SEO não se limita a apenas uma coisa. Quando falamos sobre técnicas de SEO, alguns elementos entram em questão, entre eles:

  • Uso de palavras-chave;
  • Estruturação dos textos (Title Tag, por exemplo);
  • Presença de link building de qualidade…

Essas técnicas proporcionam para que os textos possuam uma boa estrutura, ajuda o mecanismo de busca a entender sobre o que se trata cada postagem e, consequentemente, faz com que as pessoas certas recebam o seu conteúdo também em um momento adequado.

Agora que você já sabe a definição de SEO, chegou o momento de falarmos sobre a distinção entre SEO e PPC.

SEO e PPC: qual é a diferença?

Algumas pessoas se confundem quando falamos sobre SEO e PPC.

SEO ou Search Engine Optimization são os resultados orgânicos de buscas. Já o PPC ou Pay Per Click são os anúncios que aparecem nas primeiras posições com a tag anúncio, em alguns resultados de pesquisas.

Logo, enquanto o SEO auxilia para que as empresas cheguem às primeiras posições de forma totalmente gratuita, o PPC facilita para que esses mesmos negócios cheguem no topo das pesquisas, mas de forma remunerada.

Os dois casos podem gerar resultados positivos para as empresas, por isso cabe serem desenvolvidas estratégias pensando nesses dois formatos, já que o SEO proporciona retorno no médio e longo prazo e o PPC traz retornos em um curto espaço de tempo.

Bônus: 6 ferramentas de SEO para melhorar seu posicionamento nos mecanismos de buscas

Já que muitas empresas desejam estar nas primeiras posições, alguns negócios, inclusive o Google, aproveitaram essa demanda do mercado e criaram diferentes ferramentas para ajudá-las a chegar no topo dos resultados de pesquisa através do SEO.

Por isso, você agora terá 6 dicas de ferramentas de SEO gratuitas e pagas para conseguir traçar boas estratégias e fazer um excelente marketing orgânico da sua marca.

Dentre as muitas ferramentas de SEO existentes no mercado, neste post trouxemos essas seis que consideramos essenciais para te auxiliar em todas as etapas do SEO (off e on page). São elas:

homem-analisando-google-search-console

No caso das ferramentas disponibilizadas pela Google, o Google Ads auxilia na pesquisa de palavras-chave relevantes, através do planejador de palavras-chaves.

Já o Google Search Console oferece relatórios de desempenho do site, mostrando sua posição média nos resultados de pesquisas, total de cliques e alguns tipos de consultas que levam os usuários ao seu site.

O Google Trends mostra o quanto cada assunto vem sendo pesquisado nos buscadores do Google. Sendo uma ótima ferramenta para obter novas ideias de conteúdo, se baseando nos assuntos que estão em alta no momento.

Esses três serviços são gratuitos. As três demais ferramentas: Ubersuggest, Link Explorer e SEMRush se dividem entre planos gratuitos e pagos. Os planos gratuitos podem ser uma boa opção para quem está começando, mas eles possuem algumas limitações.

Falando do serviço prestado por cada uma dessas ferramentas de SEO, a Ubersuggest oferece dicas de palavras-chave rentáveis para cada negócio e de otimização de sites.

O Link Explorer auxilia para que os negócios utilizem os melhores backlinks e trace uma estratégia de link building produtiva. Enquanto a SEMrush é uma ferramenta que podemos chamá-la de “tudo em um”.

Na SEMrush você conseguirá definir as melhores palavras-chave para seu negócio, desenvolver um excelente monitoramento de processos, entre outras funções.

Dessas ferramentas pagas, cabe a cada negócio decidir por aquela(as) que melhor atenda suas demandas e esteja dentro de suas condições financeiras.

Para acompanhar mais postagens como essa, siga nossas redes sociais. Além disso, estamos disponibilizando um diagnóstico de marketing gratuito para ajudar micro e pequenas empresas a se posicionarem no digital.

Se você quiser ter acesso a esse conteúdo, clique aqui. Vamos adorar te ajudar a traçar as melhores estratégias de marketing, visando o topo dos resultados de busca do.

Leia também...

SEO: definição e 5 ferramentas de SEO para melhorar seu posicionamento no digital

SEO: definição e 5 ferramentas de SEO para melhorar seu posicionamento no digital Uma empresa, desde o primeiro momento em...

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.